Ora... Sádico

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Noutras vezes o céu padeceu sob sua cabeça, carregando-o sem vida, condenava-se a prisão eterna. Alguns dizem quem pudera ver, viverá até o dia de amanhã. Olhando a frente, onde nada se via se não mesmo o vazio cinzento, em degraus, por montanhas, por riachos, decaindo em tropeços, por entre as profundezas do imenso oceano sem vida. Aquele que por sua vez, beijou aos céus no tão infinito. Naquele dia arrastava-se, a montanha mais alta, quê, de tão alta, parecia tão profunda em pecados, na quão profunda, o abismo se tornara, sugava-a’ alma. Delirava, dentre os lados, em meio ao pecado à sanidade, consumida até o final, a punição de sua alma violada, ferida e sangrenta. Suas lagrimas secas aos seus olhos, vibrantes, cintilantes, negros e mortos. Ele buscava por respostas das quais apenas lhe feriam a alma, seu corpo apodrecido, não suportaria o todo repleto de pecado, assim padeceria mais e mais. Ele, este anjo destinado ao inferno a terra, provou de todo pecado existente, um insano... Insano! Não se ouvia não mais seus lamentos, sufocava-se, com o próprio veneno que por hora, anestesiado, envolvente ora sádico... Sádico! Via-se o seu reflexo, perante o abismo, encarava-se o insano, ele desesperava-se em risadas cortantes a alma de qualquer mero mortal, num beijo fatal, pobre alma, medonha tão culpada, abandonando-a ao seu infinito abismo padeceria caindo, infinitamente. Essa dimensão costumava ser tão profunda tão profunda.




16 comentários:

  1. obrigada minha querida , estou-te a seguir. :)

    ResponderExcluir
  2. muito profundo, muito bonito - gostei*

    ResponderExcluir
  3. - vá, força de vontade para ti também :D

    ResponderExcluir
  4. Obrigado o teu blogue também está muito bom :$

    ResponderExcluir
  5. Ninguem queria por certo estar na pele dele...mas é certo que muitos estao... nao sei se é sadismo...
    Mas parece-me que so aqui na terra e que se pode pagar se é que se paga os pecados que cometemos..

    Mas como hoje já nem existe dinheiro para pagar dividas muito menos haverá para se pagar os pecados.......estamos todos em pecado...

    Um obrigada pelo seu comentário...

    TALVEZ O MEU SEJA UM BOCADO SÁDICO

    um beijo
    Rui

    ResponderExcluir
  6. Um a no repleto de paz pra ti meu amigo...abraços fraternos.

    ResponderExcluir
  7. Muito obrigado (: Fico muito contente . Sigo o seu espaço também . Gostei **

    ResponderExcluir
  8. Muito obrigada :) bom ano também :D pois é, tantas e tantas vezes não desejamos nós congelar o tempo. Eu, pelo menos, desejo-o muitas vezes.

    ResponderExcluir
  9. Oiee!!
    Vim pelo orkut, amei seu blog e tô seguindo!
    Segue o meu também http://meribriao.blogspot.com
    Te espero lá!
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  10. Achei o texto incrível. Mais uma vez, escreve muito bem.

    ResponderExcluir
  11. Dizem que todos nós somos um pouco sádicos. E como comentaram mais acima: estamos todos em pecado.

    ResponderExcluir

Transmita sua essência, se conseguir!







Design e código feitos por Julie Duarte. A cópia total ou parcial são proibidas, assim como retirar os créditos.
Gostou desse layout? Então visite o blog Julie de batom e escolha o seu!